Xubuntu

Capítulo 4. Configurações e Preferências

Índice

Personalizando o Menu
Personalizar a sua informação pessoal
Personalizar a aparência

As opções para personalizar o Xubuntu às suas necessidades e preferências são virtualmente ilimitadas, desde o aspeto do seu ambiente de trabalho aos ajustes de funcionamento de baixo nível. As seções deste capítulo descrevem como editar o menu de aplicações principais ao seu gosto, manter os seus dados pessoais atualizados e personalizar a aparência do ambiente de trabalho.

Personalizando o Menu

O ajuste mais fácil e provavelmente mais útil que pode fazer ao Menu é personalizar os seus Favoritos. Conseguir isso é uma simples questão de localizar a aplicação que pretende, clicar com o botão botão direito sobre ela e selecionar Adicionar aos favoritos. A partir desse mesmo pop-up do botão direito do rato, pode também optar por adicionar a aplicação ao ambiente de trabalho ou ao painel. Clicando com o botão direito do rato em aplicações já nos Favoritos dá-lhe a opção de as remover ou de ordenar a lista. Pode também reorganizar os Favoritos arrastando-os.

Se não tiver certeza onde o programa está listado ou como é chamado, pode utilizar o recurso de pesquisa. Quando abre o menu, o cursor já está posicionado na barra de pesquisa. Basta começar a digitar e uma pesquisa incremental é realizada quer nos nomes quer nas descrições das aplicações. Depois de ver a sua aplicação listada nos resultados, pode iniciá-la diretamente ou clicar com o botão direito do rato sobre ela e adicioná-la ao seu local de lançamento preferido.

Para obter mais opções de personalização do menu, clique com o botão direito do rato em e selecione Propriedades. Aí encontrará três abas para alterar Aparência, Comportamento e Procurar ações.

To add directories and launchers which don't appear as entries in the default Menu, you'll need another tool. A more advanced menu editing utility called MenuLibre can be found by clicking Settings ManagerMenu Editor or by a right-click on and choosing Edit Applications. Using this editor you can create, hide and reorder the directories which appear in the right-hand pane of the Menu. Within those directories you can then create application launchers and customize their behavior by configuring the many options available in this utility. For more in-depth information on how to use all of those options, consult the MenuLibre online documentation.

Personalizar a sua informação pessoal

O Mugshot é um utilitário leve de configuração de utilizador que permite definir facilmente a imagem do perfil de utilizador e detalhes do seu perfil de utilizador em todas as aplicações suportadas.

Para iniciar o Mugshot navegue até DefiniçõesSobre Mim.

Para alterar sua imagem de perfil, clique no botão da imagem à esquerda da GUI, selecione uma das opções apresentadas e siga as instruções.

[Nota]

O Mugshot requer a instalação do pacote gstreamer1.0-tools para usar o recurso Capturar a partir da câmera....

Preencha os campos de texto com os dados pessoais necessários e clique Aplicar. Ao aplicar estes detalhes com o Pidgin e/ou o LibreOffice instalados, será solicitado a atualizar as suas configurações também.

[Atenção]

Se os dados pessoais inseridos nos campos de texto Nome e Apelido diferirem dos valores existentes no ficheiro /etc/passwd, será solicitado a inserir a sua senha como uma medida de segurança para evitar atualizações indesejadas às suas informações pessoais.

Read more at the Mugshot official documentation.

Personalizar a aparência

Se desejar personalizar a aparência do seu sistema Xubuntu, as opções são imensas. Aqui estão alguns bons pontos de partida.

Alterar o seu papel de parede

Pode facilmente mudar o fundo do seu ambiente de trabalho navegando até DefiniçõesAmbiente de trabalho, ou alternativamente, clicando com o botão direito do rato no seu ambiente de trabalho e selecionando a opção Definições do ambiente de trabalho.... Quando tem múltiplas áreas de trabalho, pode optar por ter o mesmo fundo em todas as áreas de trabalho, ou usar um fundo diferente para cada área de trabalho desmarcando Aplicar a todas as áreas de trabalho

Uma vez aberta a janela de configuração do Ambiente de trabalho, a aba Fundo dá-lhe opções para configurar o visual do fundo do seu ambiente de trabalho. Pode optar por usar uma única imagem ou várias imagens como papel de parede ou pode utilizar um esquema de cores.

[Dica]

A localização das imagens no painel Papel de parede do ambiente de trabalho é controlada pela opção Pasta:. Ao chamar esta lista de opções, pode escolher um local alternativo para a origem das suas imagens. Se quiser adicionar uma ou mais das suas imagens a esta lista para uso futuro, pode copiá-las ou ligá-las simbolicamente a /usr/share/xfce4/backdrops/ (requer privilégios administrativos).

Se escolher um local que contenha várias imagens, terá a opção de variar o fundo mudando para cada uma das imagens desse local. Ao assinalar Mudar imagem de fundo, tem vários critérios baseados em tempo para escolher, o último dos quais, cronologicamente, irá ordenar as imagens por nome de ficheiro e em seguida utilizá-las por essa ordem, distribuídas igualmente ao longo de um dia.

O Xfdesktop suporta Xinerama e configurações multi-monitor. Com mais de um monitor ligado, a aba Fundo irá sempre refletir as configurações do monitor onde o diálogo está posicionado. Isso permite que cada monitor possa ter as suas próprias configurações. Basta arrastar a janela para o monitor no qual deseja editar as configurações.

Se desejar definir qualquer uma das suas próprias imagens como papel de parede, a maneira mais fácil de conseguir isso é:

  • Abra o Thunar e navegue até o diretório com a imagem

  • Clique com o botão direito do rato na imagem e selecione Definir como papel de parede no menu de contexto

[Cuidado]

Com múltiplos monitores, esta definição só irá mudar o fundo do ambiente de trabalho do monitor ativo atualmente. Para alterar o fundo do ambiente de trabalho de outros monitores, mova o diálogo para cad um deles para aceder às suas definições.

Leia mais na documentação oficial do Xfdesktop.

Personalização da configuração do painel

Se não gostar da configuração padrão do painel, incluindo o seu posicionamento ou os mini-aplicativos instalados por padrão, siga os passos abaixo para personalizar a configuração do painel:

  • Clique com o botão direito do rato no painel

  • No menu de contexto, selecione PainelPreferências do painel...

  • Na aba Aparência, pode controlar o tamanho do painel e posicionamento, incluindo:

    • Exibir o painel vertical ao longo de cada lado do ecrã

    • Movendo o painel para o fundo ou para a direita desmarcando Bloquear painel, agarrando a pega, que aparece em cada lado do painel e arrastá-lo

    • Estendendo o painel em vários monitores

  • Na aba Aparência, pode escolher um outro fundo para o painel e regular a sua transparência

  • Na aba Itens, pode adicionar, remover e reorganizar mini-aplicativos do painel e outros itens

  • Se adicionar um Lançador na aba Itens pode então editar o Lançador para executar qualquer aplicação que tiver instalado

Mudar os seus temas do ambiente de trabalho

Existem três tipos de temas de ambiente de trabalho:

  • Temas xfwm - controlam a aparência dos limites da janela. Para alterar o tema xfwm, vá a DefiniçõesGestor de janelas. Na aba Estilo, selecione um novo tema para mudar a aparência dos limites da janela.

  • Temas GTK - controlam a aparência do conteúdo das janelas. Para alterar o tema GTK, vá a DefiniçõesAparência. Na aba Estilo, selecione um novo tema para alterar a aparência do conteúdo da janela. A ferramenta gtk-theme-config também irá permitir que personalize o visual da janela.

  • Temas de ícones - controlam a aparência dos ícones. Para alterar o tema dos ícones, vá a DefiniçõesAparência. Na aba Ícones, selecione um novo tema para mudar a aparência dos ícones. Note que nem todos os conjuntos de ícones funcionarão bem com painel/janela escuros!

Se a seleção padrão de temas não o satisfaz, pode transferir e instalar novos temas. Alguns novos temas podem ser instalados a partir dos repositórios do Ubuntu, e muito mais podem ser encontrados na Internet, por exemplo em Xfce-look.org.

Se instalar novos temas a partir dos repositórios, eles devem aparecer automaticamente em Definições. Se transferir um tema a partir de qualquer outro site, precisa de instalar o tema antes para que ele apareça em Definições. Para fazer isso, extraia o pacote do tema e copie-o para:

  • Temas xfwm e GTK:

    • /home/username/.themes/ (somente este utilizador)

    • /usr/share/themes/ (todos os utilizadores)

  • Temas de ícones

    • /home/username/.icons/ (somente este utilizador)

    • /usr/share/icons/ (todos os utilizadores)

[Nota]

Se estes diretórios não existirem, deverá criá-los em primeiro lugar. Copiar temas ou ícones para todos os utilizadores exigirá privilégios administrativos.

Desativar e modificar os efeitos no ambiente de trabalho

Embora o Xubuntu não seja fornecido com muitos efeitos no ambiente de trabalho, o compositor Xfce é ativado por padrão. Na configuração padrão do Xubuntu, o compositor Xfce é usado para desenhar as sombras para as janelas e para permitir painéis translúcidos. Se possuir um placa gráfica de gama baixa ou se não gostar dos efeitos mencionados no ambiente de trabalho, pode desligar o compositor ou alterar as configurações navegando para DefiniçõesAjustes do gestor de janelas e na aba Compositor ou desmarca a caixa Ativar exibição de composição ou modifica as configurações.